A Sociedade Brasileira de Economia Ecológica (ECOECO) vêm por meio desta, expressar sua insatisfação com a forma com que o Governo Federal vem tratando a questão da falha nos resultados da PNAD 2013. Como o erro na pesquisa foi rapidamente detectado pelo IBGE e prontamente feita a retificação, tudo da maneira mais transparente possível, não encontramos motivo para a criação de duas comissões para avaliar a questão. Vemos, porém, com especial preocupação, por ser totalmente despropositada, a instalação de uma comissão sindicância, que pode ser interpretada como instrumento de intimidação do IBGE.  O IBGE é um órgão do Estado, e não do governo. Seu trabalho deve ser valorizado e entendido como patrimônio de nossa nação. Uma questão técnica não pode ser tratada como caso de polícia.

 

Atenciosamente

Sociedade Brasileira de Economia Ecológica